ASSOCIE-SE AGORA!

Noticias

voltar

Estreia para ser esquecida

O tão esperado dia chegou. E o Passo Fundo estreou com derrota no Gauchão 2017. Jogando em casa, o Tricolor enfrentou o time do São Paulo de Rio Grande neste domingo (29).

O primeiro tempo começou com a presença da chuva no Vermelhão da Serra. E os primeiros minutos foram marcados pela disputa e entrega de ambos os times, com muitas faltas e divididas. Passado o período inicial de jogo, o Passo Fundo foi quem assustou e pressionou os adversários. Aos 24 minutos, Brandão quase marcou, após cobrança de escanteio realizada por Saldanha. Mas, aos 30, Neilson foi derrubado dentro da área e o juiz marcou pênalti. Na cobrança, Fidélis marcou o gol para dar vantagens aos visitantes. Logo em seguida, o meia Felipe Nunes disparou um foguete de perna canhota e o goleiro do SP espalmou. No rebote, Gênesis empurrou a bola para o fundo da rede, mas o assistente assinalou irregularidade e anulou o gol do Passo Fundo. O time da casa continuou levando perigo à meta defendida pelo goleiro Gil Grando, mas não conseguiu transformar a posse de bola e a superioridade em gol.

No segundo tempo, o Passo Fundo aumentou a pressão. Já, o time de Rio Grande continuou com a mesma estratégia usada na primeira etapa, jogando recuado e oferecendo perigo nos contra ataques. Mas mesmo sendo pressionando, o São Paulo ampliou o placar. Após bate e rebate dentro da área, o goleiro Gustavo Silva fez duas grandes defesas e a bola sobrou para Cléverson, aos 24 minutos, chutar e a bola entrar lentamente para o fundo da rede. Com a grande desvantagem no placar, Paulo Porto fez alterações no time e colocou o time todo para frente. O camisa 10 do Leão, Cleiton, ainda foi expulso, dando esperanças ao torcedor tricolor. Mas não era o dia do Passo Fundo. No final do jogo, Fidélis recebeu lançamento e saiu cara a cara com o goleiro Gustavo para decretar o resultado final. Passo Fundo 0x3 São Paulo.

O próximo desafio do Tricolor é contra o Ypiranga, em Erechim, no próximo domingo (05). O técnico Paulo Porto disse ter ficado surpreso com a  derrota e a atuação do time, mas espera a reabilitação na próxima partida. “Ficamos surpresos com o resultados e como as coisas aconteceram. Vamos repensar algumas coisas para ver o que está errado porque em Erechim precisamos do resultado.” disse o treinador.

Passo Fundo: Gustavo Silva, Dagoberto, Rodolfo, Gustavo Miranda, Ruan (Xaro); Rodrigo Possebon, Kasado (Giovani), Brandão, Felipe Nunes (Emerson Santos), Saldanha; Gênesis

São Paulo: Gil Grando, Adriano Lara, Lacerda, Clayton, Dema; Henrique, Welder (Chico), Fidélis, Neilson (Leandro Canhoto), Cleiton e Cléverson (Diego Rocha)

Trio de arbitragem: David Baquini, Fabrício Lima e Henrique Soares.

PRÓXIMO JOGO

Passo Fundo

x

Brasil de Pelotas

  • Data: 29/03/2017 / 21:45
  • Local: Estádio Vermelhão da Serra
  • Ingresso: Arquibancadas - R$30,00, Cadeiras - R$50,00
VER DETALHES DA PARTIDA

SOCIAL MÍDIA

COMPARTILHE